Bartolomeu I propõe ao Papa viajarem juntos à Terra Santa


O patriarca ortodoxo de Constantinopla, Bartolomeu I, convidou nesta quarta-feira (20) o papa Francisco a realizar, em 2014, uma viagem com ele à Terra Santa em homenagem aos pioneiros do diálogo entre católicos e ortodoxos, informou a agência de notícias religiosa Asianews.

Com essa viagem, os dois líderes religiosos fariam uma homenagem ao histórico encontro de janeiro de 1964, em Jerusalém, entre Paulo VI e o patriarca Atenágoras, símbolo da reconciliação entre Igreja católica e as igrejas ortodoxas.

O patriarca ortodoxo assistiu na véspera, na Praça de São Pedro, à missa de inauguração do pontificado de Francisco e, nesta quarta, participou da reunião no Vaticano com os representantes das Igrejas cristãs e de outras religiões.
Esta foi a primeira vez, desde 1054, quando houve o cisma entre o Oriente e o Ocidente, que o patriarca de Constantinopla assistiu à entronização de um Papa.

Bartolomeu I também foi o único líder a fazer uso da palavra durante a audiência-geral concedida a delegações de 33 igrejas cristãs e de outras religiões, entre elas de judeus, protestantes e muçulmanos.

O patriarca enfatizou que é necessário dar um ‘testemunho cristão através da unidade da Igreja’ e encarar a crise econômica mundial e as ‘tendências mundanas’ que reduzem a vida ao horizonte terreno.

As palavras de Bartolomeu I coincidiram com a homilia do papa durante a missa de inauguração do pontificado.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s